Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Life in Pink

Life in Pink

E o martírio continua. Martírio é uma palavra muito violenta, eu sei, mas é o que as minhas mamas sentem neste momento. Pois então, o que resultou da introdução do suplemento? A miúda deicou de querer as mamas. Previsível não? E o pior de tudo? As mamas têm carradas de leite, jorram leite. Ingurgitaram logo, ando a anti-inflamatório desde sexta-feira (começámos suplemento quarta) e a ponderar se seco o leite ou não (efeitos secundários dos medicamentos parecem terríficos, e quem me conhece sabe que sou a miss efeitos secundários..). Vou insistindo com a princesa para que ela mame, até porque o meu leite faz-lhe bem melhor, ficou novamente mais presa dos intestininhos. Mas chora, berre, aquele lábiozinho fofo treme, e passados uns minutos cedo e dou-lhe o biberão. As mamas, pobrezinhas, cá andam, vou espremendo, agora manualmente, e tento controlar a produção de leite. Mas vai ser difícil, porque produzo imenso.

E se produzo imenso, porque iniciámos suplemento? É a pergunta chave não é? Porque não conseguimos que a princesa durma decentemente, chega à maminha e puff, soneca boa! Resultado? Comer bem está de chuva, pediatra toma atitude racional de quem não conhece a fonte que há em mim e suplementa a bebé. A culpa desta situação é nossa, claro está, mas neste momento não vale a pena pensar nisso, é lidar com o assunto. O suplemento está instituído, próximo passo regularizar esta produção infernal de leite que me aproxima loucamente de uma mastite (please não!).

E agora o sono - as noites começam a voltar ao que já foram, acorda duas vezes para comer e vai adormecendo relativamente bem. Por volta das 20h/20h30 dá-lhe um sono terrível e lá vai ela e o papá para a caminha (que a mãe tem as mamas para espremer, e o super papá adormece-a como ninguém :)). O sono diurno - pois. Uma luta aguentá-la mais do que meia hora na caminha dela.

Lemos o Estivill. Vamos tentar implementar o seu método. Há muitas opiniões contra. Neste momento, temos que começar por algum lado, é o que vamos experimentar.

Ah, e o suplemento? A loucura, já deitámos uma meia lata de aptamil fora, porque por vezes fica satisfeita só com a maminha.. Dói-me a alma com isto, mas pronto, a minha alma lá se aguenta, que a criança e o seu desenvolvimento é o mais importante.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.