Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Life in Pink

Life in Pink

São as hipóteses que temos. Na realidade, esta questão para mim nunca se colocou. Perante ambas, opto por cesariana. Desconheço ambas as realidades, mas sinto-me menos insegura com a cesariana. O que não significa que me sinta confortável. Tenho imensos receios, e o que leio não ajuda. Óbvio que o parto natural seria sempre a preferência, mas não estando o bebé na posição cefalica, não quero arriscar. Decisão tomada. Amanhã comunica-la à médica e programar a cesariana. As cesarianas só são programadas para a semana 39. Duvido que aguente ate lá, dado o estado lastimável do meu útero, mas vamos ver!

Preocupações minhas - que algo de errado aconteça ao bebé! Que algo de errado aconteça comigo. Ultrapassando estas preocupações, que o pos parto seja doloroso e não consiga pegar na minha princesa durante mais umas semanas. Tenho muito mimo em falta para a princesa, que tem sido muito paciente com uma mãe enferma! E como ela está crescida. Os 3 anos são efetivamente maravilhosos, nota-se uma diferença gritante de Agosto para setembro. Cresceu, não só em altura, fala imenso, tem uma vontade de aprender gigante, quer saber o significado de tudo (eu sei que é uma fase e todos passam por ela, mas é boa demais!). Continua muito chorosinha com os pais, a fazer birras p ver se leva a dela adiante. Mas também se vai levando muito bem.

É um amor. Gira que se farta 😊