Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Life in Pink

Life in Pink

Um pão. Outro pão. Leite com cereais. Um bolo. Bolachas. Uma maçã. Mais bolachas. Mal estar. Ninguém precisa desta quantidade de comida, principalmente tudo de seguida. Um dia sem exemplo? Infelizmente não, é mais a rotina do dia-a-dia que é necessário quebrar. Como aqui chegámos? Como aconteceu isto? Não sei precisar, foi há umas semanas. Porque? Mais uma vez, sinto-me impotente, incapaz de encontrar uma explicação. A gravidez está a correr bem, estava a conseguir controlar os ataques d doces, de comida em exagero. Não mais me sinto capaz. Não sei o que mudou, mas perdi a força, a capacidade de resistir. Vejo-me a crescer a cada dia que passa, sinto-me triste com isso, mas não consigo mudar. Já passei demasiadas vezes por esta situação, para saber que é mesmo preciso que exista um click dentro de nós, algo que nos faz mudar a mentalidade de um dia para o outro. O que leva a essa mudança? Depois de anos neste circo, não consigo explicar, simplesmente sei que acontece, mais cedo ou mais tarde. O aliado para que tal aconteça mais cedo não o posso usar desta vez - o desporto. Como sair deste círculo vicioso? Se descobrir, relatarei, mas neste momento não vejo qualquer luz ao fundo do túnel. Só espero não entrar na espiral depressiva de comer, engordar, não me sentir bem no meu corpo, não querer sair de casa, comer mais, deprimir, e por aí fora. Quando se cai desta forma, custa levantar, e o caminho parece penoso, mas sempre possível. Sempre o foi, também agora o será. Mas quando?

1 comentário

Comentar post