Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Life in Pink

Life in Pink

Anesthesia-Moviejpg.jpg

Quinta-feira passada, dia de consulta de rotina, necessidade de repouso no resto do dia, pois estava com umas dores estranhas. Resultado? Vamos procurar um filme para nos entretermos um bocadinho no sofá (eu e a babe, que namoradinho teve que voltar para o trabalho). Depois de uma breve procura, e sem nada de especial em vista, decidimo-nos por Anesthesia.

Não é a primeira vez que acontece, escolher um filme sem grande expectativa e ficar agradavelmente surpreendida. Filme realizado por Tim Nelson, com Sam Waterston como principal protagonista - um carismático professor de filosofia, depois de vários anos de ensino, decide reformar-se e aproveitar o tempo que lhe resta para aproveitar o que a vida tem para lhe oferecer, as pessoas que o rodeiam, os pequenos prazeres da vida. A história deste professor vai estar interligada com uma série de histórias de outras personagens, nomeadamente uma aluna problemática que vê no professor um apoio face aos seus dramas/questões de adolescência, um homem drogado que apesar do vício tem um fundo bom, um casal em que a falta de harmonia inicial dá lugar a uma tentativa de alcançar a serenidade e felicidade nos pequenos momentos. Uma história que apesar de não ter um final hollywodesco, transmite alguma paz e bem-estar. Um bom filme.

cookies.jpg

Para ti que me lês, que me aturas todos os dias, que me completas. Gosto de ti :) por muitos motivos que não irei aqui enumerar, mas que faço questão de te ir transmitindo (do mesmo modo que o faço com as particularidades que menos me agradam, mas ninguém é perfeito, não é?). Gosto dos teus miminhos, do teu sorriso maravilhoso, da paz que me transmites quando sinto o mundo a desabar à minha volta. Gosto da tua bondade, simplicidade, da nossa cumplicidade. Obrigada por estares sempre aí, por gostares de mim :) (e obrigada por ires limpando a casa mesmo quando toda a gente insiste que isso é tarefa de mulher!!!)

convertivel.jpgJá há cómoda e roupeiro! Gostava muito de poder ter uma cama convertível (poderia ser a da imagem, marca Alondra), mas são caríssimas, pois claro! Ainda assim, o quarto da nossa bebé há-de ficar fofinho, dentro do nosso orçamento, e com a ajuda dos mais prendados da família :) Alguns projectos em mente, a ver vamos se os coneguimos levar todos a bom porto.

Semana 23. As insónias voltaram. Na semana passada sentia uma energia vibrante, uma boa disposição emanava de mim, feliz por me mexer tão bem e conseguir fazer tudo normalmente. Para o final da semana as coisas começaram a mudar, e as insónias só vieram piorar. Subir escadas é uma tortura, o coração fica completamente descompassado. Hoje, felizmente não trabalho, a manhã foi passada na cama, uma bela soneca retemperadora, seguida de um treininho que trouxe novamente a energia ao meu corpo :) nada como uma bela noite de sono e um treininho para por o corpo com a energia necessária para organizar coisinhas em casa. A baby ainda não se fez sentir muito hoje, aliás, nos últimos dias, como têm sido passados numa correria, pouco se tem notado. A partir de amanhã a rotina regressa e atualizaremos o estado de cambalhotas da princesa!

crois.jpg

pal.jpgEu sei, eu sei, a hora do lanche ainda vem longe, mas podemos começar a sonhar :) O Careca, Pastelaria do Restelo, é famosíssimo pelos seus croissants, mas o que hoje ia mesmo bem era um dos seus igualmente saborosos palmiers!

 

bR.jpg

foto retirada de projectnursery.com

 Dois dias de férias. Planos: dia 1 - ver móveis para quartinho de bebé; dia 2- ver creches. Resultado: dia 1 - deixou muito a desejar; dia 2 - um desastre.

Há móveis lindíssimos, e caríssimos. Breve ida ao IKEA que nos deixou bastante descontentes. Decisão de adquirir cómoda com trocador incluído está quase extinta e deu lugar a cómoda simples com adaptador para trocador por cima. Guarda-fatos? Não adorámos nada. A busca terá de continuar :)

Creche - o drama, o horror, a tragédia - ou está tudo já reservado para o próximo ano, ou é tudo para lá de muito caro. Continuamos portanto na saga da creche. Avizinham-se tempos simpáticos em ambos estes aspectos! Valham-nos os queridos amigos que irão emprestar algumas coisinhas e vão dando apoio moral neste caminho.

Baby M. está óptima, vai dando pontapézinhos (ou murros? cabeçadas?) amorosas :)

Truth.jpg

E o filme do fim-de-semana foi este - Truth, um filme de 2015 com belíssimos actores - entre os quais destaco Cate Blanchett e Robert Redford. Este filme, baseado em factos verídicos, versa sobre o excelente programa da CBS - 60 Minutos - e sobre uma reportagem que foi preparada e passada no ano de 2004, sobre George W. Bush e o serviço militar que este prestou (ou deveria ter prestado). Esta reportagem, envolvida num enorme escândalo, acabou por levar ao despedimento da equipa que a preparou. Ficamos sem saber se efectivamente houve favorecimento a Bush devido ao seu bom nome, ou se tudo não passou de uma conspiração. Facto - a equipa foi despedida, acabando com a sua carreira jornalística na TV. Para quem gosta de filmes sobre política, jornalismo, e casos reais, aconselho vivamente.

 

Semana 21. Ecografia feita, tudo em ordem com a pequena M. Parece que afinal sempre é uma pequenina bebé :) cansaço diminuiu, noites mal dormidas (e com isto já nem penso numa noite de 8 horas, temo já não saber o que isso é, falo mesmo em 5 ou 6 horinhas) - esta semana ainda só contamos com uma, menos mal. A bebé ontem não estava a gostar dos exercícios no ginásio, pelo que tive que me ficar pela passadeira, uma animação! Atacar menos bolachinhas deveria ser o objectivo da semana, já não há ansiedade que justifique esta opção. Papá da bebé é um amor e ajuda em tudo o que pode, apesar de não ver nada com bons olhos a necessidade de adquirir material para a bebé e respectivo quartinho (padece daquele síndrome que afecta alguns homens quando pensam em centros comerciais, lojas, e adoptam a postura de zombies atrás das suas senhoras).

Ainda da semana 20. Um cansaço exacerbado. Muito mesmo. Uma diferença no volume do peito estonteante. Tudo me pesa. De manhã a energia começa a surgir por volta das 11h.. pena entrar ao serviço às 9h. Esta semana senti novamente que qualquer coisa dentro de mim esticava - não são dores fortes, é algo ligeiro, para me lembrar que o corpo ainda tem muito que mudar. Medo gigante de ganhar mais peso do que devo. Até agora tudo tem corrido bem nesse aspecto, mas tenho que ter um pouco mais de cuidado, pois sucumbo a tudo o que seja hidratos - pão, pão, pão, massa e a minha verdadeira desgraça, o que devo mesmo evitar - bolachas.

Pág. 1/2